Cofre de Porquinho na MãoNão há um método que te enriqueça da noite pro dia, a menos que você receba uma herança ou ganhe na loteria. Para ficar rico sem nenhuma dessas alternativas, é preciso aprender a realidade sobre o dinheiro, saber poupar, investir de forma correta, assumir riscos com cautela, ter paciência, pois muitos investimentos levam anos para começar a ter uma boa rentabilidade, ter disciplina e ser persistente.

O conhecimento também é essencial na hora de aumentar o capital: pessoas inteligentes que se dispõem a aprender, estudar possibilidades, e fazer investimentos certos tendem a alcançar o objetivo de uma forma muito mais rápida.

Aprenda a cuidar do seu dinheiro com mais prudência, e saiba usá-lo de forma correta, em nosso site!

Para construir, é necessário planejar.

10 razões para ficar e não ficar rico

A Forbes elaborou uma lista com 10 razões que estimulam as pessoas a quererem ganhar muito dinheiro. Na verdade, esse é um dos maiores desejos de toda a população. Entretanto, a lista exibe tópicos que geram reflexão, pois além de serem motivos para ficar rico, trazem consigo os problemas e dificuldades mais comuns de quem conquista esse objetivo.

  1. Dentre os tópicos, está o de pessoas que acreditam que ganhar muito dinheiro é um jeito de continuar faturando – entretanto, se encarado como um jogo, essa prática se torna cansativa e parte da rotina.
  2. A questão do dinheiro elevar a autoestima se torna controversa, porque você nunca vai saber se outra pessoa te elogiou pelo que você verdadeiramente é, ou por conta das suas condições financeiras atuais.
  3. A ideia da liberdade também é bastante associada a de ganhar dinheiro. Entretanto, um grande poder econômico também é carregado de responsabilidades. Você acaba mudando seu comportamento e se impondo restrições, o que gera uma ausência de liberdade.
  4. Ganhar muito dinheiro pode me fazer conhecer a pessoa dos meus sonhos? Pode ser que sim, mas sempre haverá a seguinte dúvida: ela está comigo pelo o que sou, ou pela minha riqueza?
  5. A sonhada aposentadoria, após árduos anos de trabalho, também é um sonho muito associado à riqueza. Porém, as pessoas acabam se conscientizando que ganhar dinheiro é como um vício; você sempre vai querer ganhar mais e mais, ou seja, o trabalho raramente acaba.
  6. Descobrir universos diferentes é um desejo muito comum de quem quer ficar rico. Mas raramente é o que se vive na prática. Quanto mais rico, maior a tendência de se expor menos, arriscar menos, sair da rotina e da zona de conforto, pois o medo de perder o dinheiro é muito grande.
  7. Muitos pensam que dinheiro é sinônimo do fim dos problemas. Até certo ponto, pode ser, mas quando obstáculos mais comuns aparecerem, você se sentirá menos preparado para enfrentá-los sem o seu cartão de crédito.
  8. A preocupação com coisas pequenas vai acabar? Muito pelo contrário. A tendência é aumentar, pois provavelmente você se tornará intolerante aos erros ou frustrações de outras pessoas, por mais irrelevante que sejam. Possívelmente, você adotará a seguinte postura e frase como parte do seu cotidiano: “Escuta aqui, você sabe com quem está falando?
  9. “Poderei sustentar minha família, bancar viagens, presentes, despesas...”. Sendo rico, suas obrigações e trabalho também aumentam, impossibilitando sua ida a eventos comuns, como o torneio de natação do seu filho, o aniversário de casamento, e outros, para virar madrugadas no escritório.
  10. A ideia de segurança também pode estar ligada a de ficar rico. Só que são coisas totalmente diferentes, ou seja, quanto mais rico você ficar, mais preocupado com a segurança do seu patrimônio você ficará.